Presentes que ganhei da Dani Noce

Nunca fui do tipo que ganhava prêmios quando tinha de dar respostar criativas, mas mês passado aconteceu uma coisa bem inesperada. A Dani Noce lançou um concurso no canal dela, aproveitando que o Natal estava próximo e que ela tinha lançado produtos bem legais em 2015, onde o critério era escrever nos comentários do tal vídeo qual era a sua receita da felicidade.

Escrevi minha resposta de coração aberto mas sem muita esperança. Alguns dias depois abri meu e-mail, um não lido, da Enfim Filmes (produtora da Dani e do Paulo). Fiquei surpresa e super feliz, claro!

A minha resposta ficou em 4º lugar. E confesso ter ficado bem ansiosa esperando a caixinha, e chegou aqui em casa dia 31/12. 😀

Vou mostrar o que veio na caixa, mas se tiverem interesse posso fazer resenha do livro, mostrar o que eu já preenchi (é um livro interativo, mas é totalmente diferente dos que tenho em casa), etc. E os esmaltes eu mostro conforme eu for usando.

IMG_2287

Topo de bolo (maio tá tão longe, quero logo usar :/), um cartão com uma mensagem muito fofa, livro A Receita da Felicidade autografado e coleção de esmaltes.

O livro é recheado de fotos lindas como essas.

IMG_2288

E os esmaltes tem nomes sugeridos pelos chocolatudos (como a Dani chama seus leitores/viewers). Em sentido horário: Cereja do Bolo (um rosa/pink LINDO), Cenourinha (na foto não dá pra ver bem, mas é um laranja puxado pro fluor, esse eu já usei) e Petit Noce (rosa clarinho). E são da marca Latika que eu nunca tinha usado.

IMG_2291

Agradeço à pelos presentes Dani! Espero que logo você venha pra Belzonti, viu? E precisando duma guia, estamos aí. haha

Anúncios

Meus canais de culinária favoritos #1

Quem me conhece sabe que adoro cozinhar, e muitas novas ideias surgem a partir de vídeos do YouTube. Sinceramente, acompanho vários. E o que mais me chama atenção é a técnica mostrada.

Porque meu bem, ou você tem técnica, ou não tem.

E olha que já me desinscrevi  de canais pelo excesso de pretenção que eles apresentavam. Explico. Já teve cara que se dizia chef e cometia os erros mais noobs possíveis, como dizer que tudo bem misturar fermento químico no início da receita, com os líquidos, sendo que o ”pó royal” precisa de líquido e calor pra funcionar. Enfim.

Gosto de técnica, mas também gosto do freestyle. Se você sabe, estudou pra isso, pode botar banca, mas se não, não banque o sabe tudo, quando você não sabe, e admita que você faz pelo simples prazer de cozinhar.

Ficou bem confuso, eu sei. Mas basicamente, quer compartilhar algo que é base pra outras, você tem de realmente saber fazer e ter segurança, e não falar besteira. Mas você também pode curtir fazer receitas e truques pro dia a dia.

Por isso hoje vou mostrar quatro canais que eu adoro, e que é só sair um vídeo novo que eu vou logo assistir.

Projeto Banquete

O Leonardo e a Mariana são formados em gastronomia e tem esse sotaque lindo de Porto Alegre! O nome banquete é fantástico, porque além de emblemático sugere que os vídeos acontecem em temporadas. Aproximadamente todo mês tem um banquete novo. Uma série de pratos feitos com alguma proposta. Nesse mês é o “Banquete do Fogo”, onde eles resgatam a primeira forma de cozinhar do ser humano. Mas já teve o “Banquete das Massas”, “Banquete dos Bolos” no mês de aniversário do canal, “Banquete dos Pães”… Enfim, receitas lindas e não tão complexas, mas nem tão fáceis, é pra compartilhar o momento com os amigos e família.

Gosto muito do uso de técnicas, bem explicadas. A partir das técnicas você pode inventar mil coisas. A base que tem de ser bem explicada.

Esse é um dos meus banquetes favoritos, “Banquete da Casa”.

 

Confissões de uma Doceira Amadora

Marina é de Curitiba. Se formou na faculdade, começou a trabalhar, mas viu que queria algo a mais. Então ela foi pra NY estudar confeitaria por lá. Os doces dela não são amadores como sugere o nome do canal. Por ter descendência italiana, alemã e grega sempre tem uma receita de família que agrada a todos.

A pouco tempo ela foi visitar a avó na Grécia e gravou algumas receitas por lá. E sério, eu quero muito fazê-las aqui em casa. E sim, você pode demorar uns 10 minutos pra conseguir falar o nome dos doces – que sempre levam uma calda com especiarias – e que ficam lindos!

E claro, Nutella. Porque Nutella é vida!

 

Danielle Noce (I Could Kill For Dessert)

O nome do canal é quase um lema de vida. Principalmente no meu caso que prefiro a sobremesa ao prato principal.

No começo dos vídeos a receita podia não dar muito certo, mas a animação compensava. A Dani resolveu aprimorar seus conhecimentos e foi pra Paris estudar na Lenôtre, uma das melhores escolas de confeitaria da França.

Desse tempo pra cá as receitas foram evoluindo e sempre há técnica, que como já disse é o que eu mais gosto, sem perder a simpatia e a animação.

Dani e Paulo com toda certeza formam a dupla mais chocolatuda da vida!

 

Rolê Gourmet

O Rolê Gourmet provavelmente foi o primeiro canal de culinária que eu me inscrevi.

Dos canais que já falei, provavelmente é o mais free style. O canal surgiu duma ideia do PC em gravar as reuniões que já rolavam, onde o Otávio cozinhava, eles bebiam e tals. A ideia deu tão certo que hoje eles são um dos maiores canais de culinária do Brasil com quase 900k de inscritos.

Mesmo anunciando o fim do projeto ano passado, a galera queria mais #voltarolegourmet. Tanto que eles voltaram. O formato é básico: três vídeos por semana, duas receitas e o “Um Brinde”, vídeo com os bastidores da gravação.

A receita abaixo é do chocookie, eu já fiz aqui.

 

Eu assisto muito mais canais, qualquer dia falo de mais alguns que eu gosto, ok?