5 maneiras de se preparar para ‘Gilmore Girls: A Year in the Life’

Ando sumida por um motivo: maratona de Gilmore Girls! Dia 25 já tá aí e nesse momento estou começando a 7ª temporada! 😀

Fonte: IMDb

Fonte: IMDb

Minha paixão pela família Gilmore não é de hoje. Só fui ter TV à cabo em casa depois que estava na faculdade, então quando estava na fase pré-adolescente/adolescente o jeito que tinha de ver seriados era na TV aberta mesmo. Lembro-me de passar vários sábados à tarde assistindo Tal Mãe e Tal Filha (nome que a série tinha no SBT) e Everwood. Domingo de manhã era dia de assistir The O.C. e Smallville.

Todo esse momento nostalgia proporcionado pela Netflix, que teve início no começo desse ano com Fuller House, merece um post especial, certo?

Pensando nisso, resolvi então fazer uma listinha (quem sou eu sem listas?) pra conter a ansiedade. São só cinco passos que sinto que farão com que esses dias passem voando.

Passo 1: Maratonar a série, ainda dá tempo. Calcule comigo: são 153 episódio divididos em 7 temporadas. As temporadas em média tem 22 episódios, certo? Considerando uma média de 40 minutos por episódio (são um pouquinho mais, mas depois isso compensará na conta).
Se você assistir em sequência é possível ver 3 episódios em 2 horas (2 horas = 120 minutos, 40×3=120), ou seja, é possível ver meia temporada em um dia (com 8 horas de dedicação, claro | 1,5 episódio por hora x 8 = 12), em 14 dias é possível terminar a tempo. 😉

Não anima? Tudo bem, a Netflix resumiu cada temporada em vídeos de 1 minuto

Passo 2: Que tal Pop Tarts caseiras?
As rainhas do junkfood, vão invejar a sua disposição em fazer esse doce americano, que elas amam a propósito. São poucos ingredientes, nem é tão difícil de fazer e o recheio vai da sua criatividade/orçamento/animação.

Passo 3: Esse produtinhos da série pra levar com você o tempo todo. Estas são algumas das coisas legais que eu achei por aí: moletons fofos que tem lá na Oba! Shop (nunca comprei lá, mas me parece confiável, tem camisetas, bottons e ecobags também), essa camiseta fofa na Chico Rei (tem a caneca também, já comprei lá um monte de vezes e nunca tive problemas graves) ou ainda essa capa de livro da Cheia de Fusquinha (já estou encomendando a minha).

Passo 4: Ouvir a melhor playlist dos últimos tempos (que eu descobri graças à Luísa, obrigada). Foi feita pela Warner em 2015 e só tem amor. É ótimo pra ficar lembrando das cenas em que as músicas aparecem.

Passo 5: Por último e mais importante: tome café! Fã que é fã sabe que nas veias das Lorelais não corre sangue e sim café. Pra facilitar a vida o vídeo abaixo ensina como fazer (estilo americano, ou seja, é quase uma bacia de café, rs) pois nunca se sabe, né?

BÔNUS ROUND!

Assistir este vídeo da Marina Smith no repeat (confesso que fiquei emocionada quando vi pela primeira vez)

E aí, mais alguma dica? Deixe nos comentários, vou adorar ler.

Quem vai estar acordada às 6 horas da manhã do dia 25 com a Netflix aberta? o/

Anúncios

The Ranch – a nova série da Netflix

Fonte: Observatório do Cinema

Em 1° de abril estreia na Netflix a nova série de comédia protagonizada por Ashton Kutcher.
Nessa nova empreitada, o ator volta a contracenar com Danny Masterson, seu amigo desde os tempos de Thats ’70s Show – que merece uma resenha, aliás – além de Sam Elliott, Debra Winger e Elisha Cuthbert.
Nos 20 episódios, que estarão disponíveis amanhã, a série contará a história da família de Colt Bennett, com seus trinta e poucos anos, que volta para o o rancho – daí o nome – da família no interior do Colorado, após ter saído de sua cidade para tentar seu sonho de se tornar um jogador de futebol americano, mas o máximo que conseguiu foi chegar à segunda divisão.
O voltar para casa significa a conviver com o irmão, que nunca saiu da casa dos pais, com o pai conservador e reacender amores do passado. Juntos, os irmãos passam a cuidar dos negócios da família.

Fonte: Omelete

O trailer lançado na semana passada, já mostra um pouco do clima da série.

Com episódios de 30 minutos e formato de sitcom, a série foi gravada com múltiplas câmeras e presença do público. Masterson e Kutcher são produtores da série e a produção executiva fica por conta da dupla Don Reo e Jim Patterson, que exerciam o mesmo papel em Two And A Half Men.

– Atualizado em 20/06/2016

A série que se passa no interior do Estados Unidos foi renovada! Leia mais aqui.

O Brasil, que tem a cultura interiorana muito forte, foi homenageado com esse lync sync de Saudades da Minha Terra.

O que é e como fazer maratona de uma série

Segundo nosso amigo Google, maratona além daquela competição de corrida de longa distância, também significa evento ou atividade de longa duração, com efeito desgastante para os participantes.

Fonte: We Heart It

As maratonas podem ser diversas: literárias como a 24h, que consiste em ler durante 24 seguidas (esse é só um exemplo), cinematográficas como assistir todos os episódios de Star Wars (por ordem de lançamento, ou de episódios…), De Volta Para o Futuro, 007, Rocky, Star Trek, Harry Potter, Senhor dos Anéis (+ Hobbit)…, ou de séries, que já dá pra perceber que é a minha favorita.

Fonte: We Heart It

Algumas das séries que ”maratonei” pra vocês terem uma ideia: FRIENDS, Glee, Gossip Girl, Grey’s Anatomy, House MD, Two And a Half Men, The Big Bang Theory,  How I Met Your Mother (umas 5 vezes), Bones, Modern Family…

Como já é possível prever, maratonar uma série consiste em sentar na frente do computador, TV, etc e assistir o máximo de episódios seguidos. Sim, o máximo. Friends eu assisti as 10 temporadas em 15 dias, chegando a assistir uma temporada por dia.

A última que fiz foi de Full House, assisti os 192 episódios em 22 dias. Na verdade esperava terminar dia 25, véspera da estreia do spin-off, mas consegui finalizar dois dias antes. Não conto Fuller, porque fui assistindo aos poucos durante o dia.

Quer fazer uma maratona? Escolha uma série, de preferencia com muitos episódios e aproveite!

Sempre estou pensando em qual série maratonar, e é esse o novo foco do blog: falarei aqui de séries e filmes legais que já assisti, compartilhar algumas maratonas e as vezes posso falar sobre música, literatura ou culinária.

No momento resolvi rever uma das minhas séries favoritas, obrigada Netflix por colocar That ’70s Show no catálogo! ❤

Fonte: We Heart It

HELLO WISCONSIN!

Uma semana para a estreia de Fuller House, a spin-off de Full House

Em 2014  quando fiz esse post sobre séries de São Francisco, disse que rolavam boatos de uma nova temporada de Full House, que teve o nome de Três é Demais aqui no Brasil, e foi assim que eu a conheci.

Fonte: Omelete

Pois é, em 2015 a Netflix confirmou, e agora em fevereiro, mas especificamente dia 26, (daqui a uma semana!) estreia a primeira temporada de Fuller House.

Fonte: Pipoca Moderna

Primeiro é preciso conceituar o que é spin-off, ou sequência, e o que é nova temporada.

A Netflix apostou em novas temporadas em Gilmore Girls, que quero falar em breve, e Arrested Development. Ou seja, a empresa entrou em acordo com a maioria dos atores e roteiristas e assim financiou a continuação da série, com os mesmos protagonistas continuando onde havia parado (ou passado alguns anos).

Já o spin-off é uma série derivada, serão alguns dos personagens com histórias novas, ou seja, um personagem secundário se torna protagonista. Ex.: The Cleveland Show, que é derivada de Family Guy (tem as duas na Netflix), Angel, derivada de Buffy the Vampire Slayer e Joey, sim é uma spin-off de FRIENDS, muita gente nem deve saber que existiu porque essa foi cancelada na segunda temporada.

Eis então o motivo do meu sumiço. Quem me acompanha no snapchat (menezesthayse) tem visto que estou maratonando (vai ter post falando o que é isso de verdade) Full House e pretendo terminar dia 25. No momento estou terminando a 7ª temporada. Ao todo são 8 temporadas e 192 episódios. Então até o momento estamos vencendo.

O que muda em Fuller House então?

Em Três é Demais, o Danny perdeu a esposa e se vê perdido para manter sua carreira de jornalista esportivo e cuidar das três filhas: DJ com 10 anos, Stephanie com 5 anos e Michelle com menos de 1 ano. Nessa nova fase ele conta com a ajuda do seu melhor amigo Joey Gladstone e seu cunhado Jesse Katsopolis.

Já na nova série, que coincidentemente ou não é também o nome do 20º episódio da 4ª temporada que e em tradução livre significa casa lotada, casa mais cheia, e agora é DJ que se vê perdida para criar os três filhos, Jackson, Max e Tommy, após perder o marido, então ela volta para a casa onde passou a infância e quem irá ajudá-la… bem você pode descobrir nesse vídeo.

Além de Danny, Joey, Jesse, Becky. Steph e DJ, podemos contar com Kimmy, Nick, Alex e Steve! As gêmeas Olsen que interpretavam a pequena Michelle não aceitaram participar, mas Michelle não sumirá da história, ela só estará morando em Nova York.

É… a casa vai encher novamente. Nem preciso dizer que assim que os episódios estiverem liberados na Netflix vou assistir um seguido ao outro. E o sono? ”Cut it out!” amigo, ”how rude!” perguntar isso! Sinceramente: ”have mercy!”!

Netflix do meu coração, com essa nova série só posso dizer: you got it dude!

Fonte: E!

Desenhos e séries da minha infância – anos 90

Eu poderia citar Icona Pop, mas não vou. Nasci em 1993 e tive uma infância muito feliz assistindo desenhos animados e séries e muitos  deles passaram no meu teste dos 15 anos (coisas que você via antes dos 15 anos e que continua gostando depois).

Imagem: We Heart It

Parte desses desenhos vieram desse programa:

O Disney Cruj começou em 1997, e tinha um horário estratégico: passava antes de Chiquititas, um dos maiores sucessos do SBT.  Nesse momento nostalgia, resolvi mostrar alguns desenhos e seriados que eu assistia e que hoje sinto saudade.

Os Ursinhos Carinhosos ganhou uma versão do Netflix, mas não são as mesmas histórias, mesma dublagem e nem mesmo a mesma música de abertura, infelizmente.

Punky é um dos meus seriados favoritos, e esses tempos reprisou no SBT. Não vou mentir e dizer que não assisti todos os dias e, claro, cantava a música de abertura junto

Os Cãezinhos do Canil era um desenho matutino que passava até na minha adolescência no Bom Dia e Cia. Amava esse grupo de cães órfãos que se unia para encontrar um lar pra eles. Além de ser uma forma interessante de mostrar às crianças a importância da adoção. (Não compre, adote!)

Sim, a música de abertura de Cavalo de Fogo é zoada, mas a história era bem boa.

Ana Pimentinha. Esse é daqueles desenhos que só lembrei que via depois de ouvir a música de abertura. Porque você sabe, Pimentinha é demais, toda 7ª confirma.

Esse também tem versão no Netflix, mas nem preciso explicar muito.

Pateta e Max, a dupla que é demais. Fato é que sempre que os longa metragens derivados desse desenho passa no Disney Channel eu tô lá assistindo.

A Hora do Recreio, aquela turma meio desajeitada que sempre arrumava uma confusãozinha.

Nada como amor próprio, né Johnny? Hup hup hup! Digo que é um Barney Stinson for kids

Quem me segue no snapchat (menezesthayse, a propósito) sabe que tô maratonando Full House, ou Três é Demais, porque dia 27/02 estreia o spin-off Fuller House na Netflix.

Claro que me lembro de outros desenhos, mas achei melhor deixar essa lista pequena.

Sábado vou contar sobre os desafios literários que estou participando e o que estou lendo no momento. 😀

5 séries pro fim das férias e que estão no Netflix

As férias estão acabando  – buáááááá -, mas não quer dizer que ainda não dê tempo de começar umas séries ”novas”.

Mais um tema sugerido pelo Rotaroots <3. Fiz a lista com 5 sitcons, porque é verão, e eu quero uma coisa rápida pra ver, rir um pouco e lógico com o ventilador do lado, porque geeeente: BH tá um forno!

Como sou MUITO viciada em séries, as que eu escolhi tem o selo Thayse de aprovação. 😀

Vou tentar ser breve que depois quero falar mais detalhadamente de algumas aqui.

1. Modern Family (Família Moderna) | 2009 – em andamento | US: ABC BR: Fox/Band | no Netflix: s01 a s04

MV5BNzg3NjAzNTkwNV5BMl5BanBnXkFtZTcwMzgzMzY3Mg@@._V1__SX1303_SY591_

Eu assisti o piloto e não levei fé e deixei pra lá, mas conversando com uma colega que me falou TÃO bem da série que me convenceu a dar mais uma chance. Não que eu ria em todos episódios, mas é bem boa, especialmente por ter o formato de documentário. Assisto vários episódios seguidos sem me cansar.

O seriado foca-se nos relacionamentos entre uma família liderada por Jay Pritchett, que após divorciar-se, casou-se com a jovem colombiana Gloria Delgado, mãe do pré-adolescente Manny Delgado que é um menino romântico, poético e intelectual. Jay tem dois filhos: Claire, que é casada com Phil Dunphy, e com quem tem três filhos Haley, Alex e Luke, que se preocupam com questões típicas da juventude, enquanto os pais vivem com os estresses cotidianos, como a escola, o trabalho e a rebeldia; e o filho Mitchell, homossexual casado com Cameron e que são pais de uma garotinha vietnamita chamada Lily. Em resumo, três famílias diferentes, mas relacionadas entre si que têm de enfrentar provações e tribulações do dia-a-dia, mesmo que em suas próprias maneiras divertidíssimas.

MV5BMjEwMjM3MzMxMl5BMl5BanBnXkFtZTgwMDk2MTU2MTE@._V1__SX1303_SY591_

2. Arrested Development (Caindo na Real) | 2003-2006, 2013 | US: Fox/Netflix (a partir da 4ª temporada) BR: Netflix | no Netflix: s01 a s04

MV5BMTk4OTIyNzA5NF5BMl5BanBnXkFtZTcwODQxMTE1OQ@@._V1__SX1303_SY548_

A série foi exibida por 3 temporadas pela FOX, e foi retirada do limbo pelo Netflix que produziu uma temporada, lançada em 2013. Com fãs fiéis, foi renovada para uma nova temporada, ainda sem previsão de estreia.

Estou terminando a season 01 e ando gostando bastante, tá suprindo a falta de episódios novos de Modern Family.

MV5BMTcxNjA3NTI0Ml5BMl5BanBnXkFtZTYwNTEwOTI3._V1__SX1303_SY591_

Michael Bluth (Jason Bateman), e seu filho de 13 anos, George Michael (Michael Cera), são forçados a manter unida a sua problemática família depois que seu pai (Jeffrey Tambor) é preso por forjar a contabilidade das Empresas Bluth e os bens da família congelados, fazendo com que cada um dos membros entre em pânico.
A mãe esnobe de Michael, Lucille (Jessica Walters), se encontra morando sozinha em uma cobertura sem dinheiro para se manter, enquanto os dois irmãos de Michael, GOB e Buster, sua irmã Lindsay  com seu marido Tobias Fünke e sua filha Maeby também tentam recriar seu estilo de vida para que se enquadre aos seu novo status financeiro da família.

3. Boy Meets World (O Mundo é dos Jovens) | 1993 – 2000 | US: Disney Channel BR: esporadicamente no Disney Channel | no Netflix: S01 e S02

MV5BMjAzNTM4NTM0M15BMl5BanBnXkFtZTgwNDE2NTI2MTE@._V1__SX1303_SY591_

Cory Matthews (Ben Savage), um pré-adolescente cujo mundo imprevisível o força a inventar criativamente as suas próprias soluções para os problemas de sua vida.
Enquanto Cory comicamente busca os respostas para suas diversas perguntas sobre seu crescimento, seu professor, sua família e seus amigos só confundem assuntos perante suas próprias perspectivas e comportamentos estranhos. O professor sabe-tudo de Cory, Mr. Feeny por coincidência é também seu vizinho – e o relacionamento tumultuado deles, dentro e fora da sala de aula, sempre ensina a eles dois uma lição.

MV5BOTMzMDMyMzI1MF5BMl5BanBnXkFtZTgwNzE4MzQ4MTE@._V1__SX1303_SY548_

Essa foto é do ano passado, é que a série depois de 14 anos lançou um spin off, que nada mais é que uma série derivada, essa sim é transmitida pelo Disney Channel regularmente. Na série chamada Girl Meets Word, ou Garota Conhece o Mundo, Riley é filha de Cory e Topanga. E eles aparecem na série, Cory agora é o professor de história de sua filha.

4. How I Met Your Mother (Como Conheci Sua Mãe) | 2005 – 2014 | US: CBS BR: Fox (até 2014), Sony (desde 2014) e Band | no Netflix: s01 a s08

MV5BMTQ4Nzg0Njk1M15BMl5BanBnXkFtZTgwMDQ5MDMyMjE@._V1__SX1303_SY591_

Ted, sem mais. ❤

MV5BMTI5NDcxMzkxNF5BMl5BanBnXkFtZTcwMjQxNDI0Mg@@._V1__SX1303_SY548_

Tudo começa com o arquiteto Ted Mosby, no ano de 2030, contando aos seus filhos a história de como conheceu a mãe deles. A comédia enfoca na busca de Ted em encontrar o amor de sua vida. A história começa quando seu melhor amigo, Marshall, anuncia seu noivado com sua namorada Lily, uma professora do jardim da infância. Neste instante Ted se dá conta de que precisa fazer alguma coisa para não terminar sozinho. Para ajudá-lo em sua busca está Barney, um amigo com opiniões infindáveis e sugestões muitas vezes imprudentes. Quando Ted conhece Robin, ele acredita ser amor à primeira vista, porém, ele não sabe que o destino lhe reservou algo a mais. Esse quinteto irá viver grandes histórias sempre um ao lado do outro. A história é narrada no futuro, a partir das lembranças do protagonista, que ao longo das temporadas vai dando dicas de quem é a suposta mãe de seus filhos.

MV5BMjIyMDE1MzUxN15BMl5BanBnXkFtZTcwNjI0MzExMw@@._V1__SX1303_SY548_

5. Don’t Trust the B—— in Apartment 23 (Apartamento 23) | 2012 -2013 | US: s01 ABC e s02 Fox BR: Fox | no Netflix: s01 e s02

MV5BMTYyOTQwMzE4OF5BMl5BanBnXkFtZTcwMTQxNzE3Nw@@._V1__SX1303_SY591_

Conta a história de uma típica inocente garota do interior que se muda para Nova York e de sua excêntrica colega com quem divide o apartamento.
Após descobrir que nada na Big Apple era como esperava, June passa a morar com Chloe — a “bitch” do apartamento 23 — que promete não facilitar sua vida; mas a inocente menina do interior vai deixar barato.
Quando a nova colega vende suas coisas sem sua autorização, June dá o troco, vendendo os móveis dela. Sem se fazer de vítima, se mostra digna de fazer parte da estranha turminha de amigos de Chloe — que inclui James Van Der Beek (que interpreta a si mesmo), um ator arraigado ao seu sucesso em Dawson’s Creek e que é o melhor amigo de Chloe.

MV5BODQ4MzYyODYwOF5BMl5BanBnXkFtZTgwODAwNzg3MjE@._V1__SX1303_SY591_

O engraçado é como o James é pé frio. Eu PRECISO compartilhar isso em breve aqui. rs

Fotos: IMDb, Sipnoses: Orangotag 

Tá assistindo algum seriado? Me conta nos comentários, quem sabe não trocamos indicações? 😀

 

4 séries: em San Francisco

For those who come to San Francisco
Summer time will be a love-in there
In the streets of San Francisco
Gentle people with flowers in their hair

Ahhhh São Francisco! É uma das minhas cidades favoritas no mundo. A primeira cidade dos EUA (junto com Baltimore) que eu tenho vontade de conhecer. Grande parte desse amor por essa cidade é por conta de Full House.

Pensando nisso separei 4 séries (cômicas) que se passam em SF. Vamos lá!

1. That’s So Raven (As Visões da Raven)

A série exibida originalmente no Disney Channel de 2003 a 2007 e em  trocentas repises no SBT, rs. Conta a história de Raven Baxter, uma adolescente aparentemente como as outras, exceto por um detalhe, ela tem visões do futuro e assim consegue sempre colocar seus amigos e família em enrascadas. Com o tempo, Raven termina o ensino médio e corre atrás do seu sonho de se tornar uma estilista. Após o fim da série, Cory e Victor, irmão mais novo e pai de Raven respectivamente, ganharam um spin-off chamado Cory in The House (Cory na Casa Branca).

tumblr_mkb195UBx11rhkyyso1_500

2. Full House (Três é Demais)

A série conta a história de Danny Tanner, um um pai de 3 filhas, D.J., Stephanie, Michelle, que acaba de se tornar viúvo. Precisando de ajuda pra cuidar das meninas ele convida seu melhor amigo, Joey e seu cunhado Jesse nessa nova empreitada. A série é conhecida por ter lançado as gêmeas Olsen para o estrelato. E mesmo após quase 20 anos do fim da série os atores se dão super bem e boatos dão conta de que uma sequência vem por aí.

tumblr_inline_n1ltkjCrDL1rg0g8s

3. Young & Hungry

Essa série é nova. conta a história da Gabi, uma aspirante a chef de cozinha, que vive sem grana, que quer trabalhar como personal chef de um milionário da computação. (Não é spoiler, tá?) Acontece que ao conseguir o trabalho dos sonhos, ela tem de fazer um jantar para provar seus dotes culinários e seu chefe briga com a namorada e naquele momento fossa + champanhe, bem eles acordam juntos no outro dia e fica aquele momento ~~awkward~~. Mas as coisas dão certo e a cada episódio ela vai provando o seu valor. É bem comédia, e ela sempre tá em apuros.

tumblr_n96x8jqyfF1tx00e3o1_500

 

5. Ground Floor (O Andar de Baixo)

O Brody é um executivo que trabalha na Whitestone Trust, um empresa sediada em um prédio bem alto. Então ele conhece Jennifer num bar e passam a noite juntos. Pensando que nunca mais a encontraria, no dia seguinte, descobre que ela é supervisora de manutenção do prédio, ou seja, no andar de baixo. O relacionamento não é bem aceito pelo Sr. Mansfield, chefe de Brody, que vê o relação como um risco já que o casal vive realidades diferentes.tumblr_mwdqrhfeaD1qcervwo1_500

Quer mais listas temáticas de séries? É só sugerir nos comentários. 😀

Até quarta!